Notícias

. .

Em audiência, acusado nega ter agredido cão yorkshire

A dona do cão Theo, Isabel Cristina Maciel Luz, e o acusado de matar o animal com um pontapé, Jorge Gilberto Lima dos Santos, estiveram hoje, 17/5, na última audiência de instrução da ação criminal sobre o caso.

Daqui para a frente, defesa, acusação (Ministério Público) e assistência de acusação terão, cada um, prazo de cinco dias para apresentar razões finais. Em seguida, o processo vai para sentença do Juiz responsável, Artur dos Santos e Almeida, do 3º Juizado Especial Criminal do Foro Central.

Na audiência, foram ouvidas duas testemunhas de acusação e o próprio réu, denunciado por maus-tratos a animais e ameaça contra a proprietária Isabel e sua filha. Ele negou as acusações, dizendo que não chutou o animal.

O fato aconteceu em 28/4/16, quando Theo teria urinado na porta do estabelecimento comercial do réu. Isabel afirma que Jorge reagiu violentamente, com xingamentos e um chute no animal, que morreu horas depois em consequência de lesões internas. O caso ganhou repercussão e mobilizou grupos de defesa dos animais.

Processo nº 21600372730

Publicação em 17/05/2018